sábado, 19 de abril de 2014

Bouillon Chartier

Um dia para conhecer Montmartre…

Mas, antes tinha que rolar uma perdidinha básica pelas belas ruas de Paris, até finalmente acharmos a Rue du Faubourg. 

Lá, mais precisamente no número 7, escondidinho, encontramos o Bouillon Chartier, um restaurante clássico e peculiar num prédio histórico, bem no meio da capital parisiense. 

Construído no final do século XIX, o restaurante é classificado como monumento histórico e se orgulha de servir o mesmo cardápio desde a sua inauguração. 

O estabelecimento também mantém a decoração e as mesas como no princípio e é todo espelhado. Os garçons com seus aventais brancos e longos, as toalhas simples, as anotações feitas nas folhas de papel que protegem a toalha e as mesas coletivas. É normal que, mesmo em pequenas mesas, outras pessoas se juntem a você. A ordem é: nada de cadeira vazia!

O restaurante, no dia-a-dia, é frequentado por parisienses e está sempre repleto. Ou seja, chegar cedo é uma ótima ideia!

Dentre as opções de receitas tradicionais francesas, escolhemos o "steack haché sauce poivre vert et frites", que nada mais é que, hambúrguer ao molho de pimentas verdes e batatas fritas! =) Ah, e suco de laranja de garrafinha, que eu achei super fofo!

Devido ao "nosso" atraso, quando chegamos, o restaurante estava bem tranquilo e não precisamos dividir mesa, ao contrário, pudemos até escolher! Já o atendimento, começou meio estranho, comigo apanhando no francês, para variar. Aí, expliquei que estava de férias, blablabla e a garçonete virou outra pessoa. Uma graça!

O local é bem simpático, a comida é gostosa ~tipo normal~ e o preço é super em conta. Ótimo custo benefício!


Beijim,

Kamila


Local da Ogrice: Bouillon Chartier - 7 Rue du Faubourg Montmartre - Funciona das 11:30h às 22h


Sereias na Rede: Bloglovin' - Twitter - Facebook - Instagram

quarta-feira, 9 de abril de 2014

SPFW - Dia 5: Reinaldo Lourenço & Samuel Cirnansck

*Imagens: FFW



O que teve?
It's London, baby! O "trench coat desconstruído", peça ícone da moda britânica. Vestidos, saias camisas apareceram com uma silhueta que remetia ao trench. Entretanto, o inverno foi deixado de fora. Cinco estampas, que datam do início do século 20, da tradicional casa inglesa "Liberty of London", fundada em 1875. Mochilas tipo saco, oxfords e creepers. Flores aplicadas, roletês costurados nas vertical lembrando gaiolas, paetês transparentes recriando o tempo úmido da Terra da Rainha. Uma coleção jovem, rycah e urbana!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Dizem que essa não foi uma coleção tão atrativa como as que Reinaldo costuma produzir… Well, I don't care! Porque eu adorei! Não sei por qual peça estou mais apaixonada: a camisa/jaqueta, o trench com essa flor linda ou o terceiro look (que eu gostei tanto, que levei minutos para perceber as madeixas rosas da modelo!). E o calçados? *.*





O que teve?
Mulheres de um novo tempo! Vestidos bordados sobre tule, cores fortes, drapeados, contrastes. Fendas, decotes e transparências. Os tempos são novos, mas o vestidos de Samuel C. continuam sendo sonhos de consumo!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Tenho um caso de amor puro, amor eterno, amor verdadeiro para com as criações de Samuel C.
Para começar, um trio de vestidos que dá vontade criar um evento só para poder desfilá-lo, como, por exemplo, comer coxinha na padoca:


Eu já comentei que acho um charme esses vestidos com bolsos, e também adoro esse tom de laranja meio, meio ~manga~. E combinado com conforto? Pronto! Samuel está decidido, pode mandar aqui pra casa! *.*
E, claro que, eu não poderia fechar a SPFW, sem esse macacão bafônicoooo! Que apenas me lembra Julie Newmar nos seus áureos tempo de Mulher Gato! Diva!



Beijim, 

Kamila



Sereias na Rede: Bloglovin' - Twitter - Facebook - Instagram

segunda-feira, 7 de abril de 2014

SPFW - Dia 4: Têca, Lolitta & Forum

*Imagens: FFW



O que teve?
A essência cosmopolita encontra as raízes nordestinas da estilista Helô Rocha. Estampas e bordados,  art déco, força e feminilidade. Personalidade!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Não é novidade que a Têca é meu xodózinho. Acho tudo muito lindo e confortável. Desse desfile que foi mais dark, escolhi dois vestidos e um macacão, porque macacão é amor verdadeiro!






O que teve?
Espanholas! A grife estreante, especializada em tricô de luxo, inspirou-se nas espanholas. Vestidos justos, babados em camadas, muito preto e vermelho, estampas e listras. Olé!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Tenho vontade de apertar esses vestidos, eles parecem tão macios… #felíciafeelings! Os vestidos listrados foram amor a primeira vista, tanto que até o de um ombro só e com recortes na lateral me encantou. E, olha que, eu procuro fugir ao máximo desses modelos. Ah, e o de oncinha me ganhou no quesito fofura, oin!





O que teve?
Pantanal! A exuberância e a biodiversidade, a flora brasileira. Modelagens amplas e zíperes deslocados, vieses trançados, estampas coloridas, cordas e flores. Orquídeas!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Uni-duni-tê! Eu amei os vestidinhos! Quero um de cada!


Beijim, 

Kamila



Sereias na Rede: Bloglovin' - Twitter - Facebook - Instagram

domingo, 6 de abril de 2014

SPFW - Dia 3: Gloria Coelho, Ronaldo Fraga & Colcci

*Imagens: FFW



O que teve?
Criaturas mágicas, alfaiataria medieval e masculina, os anos 60 e 70. Paletós-pelerines, cristais, placas de couro, metalizados, minis e longos. A estilista celebrou as quatro décadas de história na moda reunindo suas marcas registradas com o frescor de 2015!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Quando vi o primeiro look, logo imaginei um coquetel party. Você lá, toda despretensiosa num pertinho básico, se servido de um ~cosmo~ e quando vira… VRÁÁ! Adorei a pelerine ~embutida~ e esse detalhe em cristais?! In love! Já para o segundo vestido, imaginei algum evento ligado a praia… um pôr do sol (nova gramática heeeeelp), um casamento, um luau, uma festa de ano novo… sei lá, só sei que apaixonei pelos dois. #mãemedá





O que teve?
Cândido Portinari! Dos desenhos de infância às noites de São João… Bordados em fios soltos, estampados gráficos, pipas e losangos, formas e volumes fluídos, crochê artesanal e geometria, azul, muito azul. Foi lúdico!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Apenas: quero! Não sei o que me encanta mais: os losangos com o bordado de fios soltos ou o circo...


E esse vestido? Adoro esses vestidos com bolsos. #prontofalei Dá para usar com tudo! Estilo vou ali na padoca e já volto, mas se rolar um Red Carpet no meio do trajeto, estou preparada!




O que teve?
Universo tropical! Coleção linda e divertida. Cores vibrantes e suaves. Artesanal e tecnológico, listras, lisos e estampas. Diversidade!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Listras:


Os conjuntos de saias midi com cropped, tão lindos que até eu arriscaria usar:



Beijim, 

Kamila



Sereias na Rede: Bloglovin' - Twitter - Facebook - Instagram

sábado, 5 de abril de 2014

SPFW - Dia 2: Alexandre Herchcovitch, Patricia Motta & Triton

*Imagens: FFW



O que teve?
Marilyn Monroe, bebê! Do denim ao neoprene, pedras e cristais, casacos de látex, crochê e cashmere, cinturas marcadas e comprimentos midi, luvas e coque banana! Um novo olhar sobre a diva, uma Marilyn contemporânea!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Esse primeiro look poderia ter saído direto da passarela para minha casa. Amei inteiro! Queria estar usando agora! E os casacos, gente? Coloquei esse só para dar uma idéia… Esse acabamento arredondado sem gola… #mimimi





O que teve?
Cores e formas, flores e sabores! Coleção leve, com paleta de cores delicada. Formas aquareladas e degradês preto e branco. Silhueta lady like: cintura marcada e saias amplas. Feminilidade, inovação e charme com conforto!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Esse look completinho. Preciso dizer o motivo? *.*




O que teve?
Vilarejo de Positano, na Costa Amalfitana. Alfaiataria desconstruída, volume e movimento, leveza e equilíbrio, pregas, plissados, assimetrias. Romance!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Para começar, nunca gostei tanto de um bolsa saco quanto essas que apareceram na passarela da Triton. Listradas em uma combinação de cores lindas! Sobre a coleção em si, eu queria que ela acabasse toda em ~saias~. Sim! Mesmo os vestidos que selecionei, queria uma versão saia!



Beijim, 

Kamila



Sereias na Rede: Bloglovin' - Twitter - Facebook - Instagram

quarta-feira, 2 de abril de 2014

SPFW - Dia 1: Tufi Duek & Cavalera

*Imagens: FFW



O que teve?
Leveza! Um verão fresco e jovem inspirado nas piscinas icônicas dos hotéis de Miami com um toque dos anos 60 e 70. Coleção leve, trabalhada e cheia de detalhes sofisticados, vestidos femininos com modelagem evasê, bouclé atoalhado, seda bordada de ráfia, tricoline drapeado e o comentadíssimo tecido holográfico desenvolvido na Suíça e que representa o efeito do sol em bolhas de sabão! Irresistível! *.*

O que o Sereias leva para o ~closet~?

Os vestidinhos (e botinhas), que me lembraram muito as Charlie Angel's, em P&B com essa padronagem linda e feminina:


O casaco, que ainda me deixa dúvidas entre o azul e o preto. Melhor um de cada? E, claro, o vestido em corte simples com tecido ~bapho~:




O que teve?
"Woodstock em Bali"! A coleção mistura referências do festival nos anos 70 e a calma das praias paradisíacas de Bali. Floral e folhagem, formas leves e esvoaçantes, conforto, franjas e plumas. Hippie e sexy!

O que o Sereias leva para o ~closet~?
Eu jogaria o… quimano… casaco (?) do primeiro look sobre o segundo, usaria o vestido no Red Carpet das ~eneeemygas~ e seria feliz para sempre. Simples assim!


Beijim, 

Kamila



Sereias na Rede: Bloglovin' - Twitter - Facebook - Instagram