sábado, 4 de janeiro de 2014

Place de la Concorde


A Place de la Concorde está situada entre a Champs-Élysées e o Jardim des Tuileries e é a maior praça da capital francesa. 

Ela foi criada para que se erguesse, em seu centro, uma estátua em homenagem ao Rei Luís XV, monumento que celebraria a sua recuperação de uma doença.

Com a Revolução Francesa, a praça virou cenário de muitas execuções e instalando-se, em seu centro, a guilhotina. 
Mais de 1.300 pessoas foram decapitadas neste local histórico, entre elas, o rei Luís XVI, Maria Antonieta e Robespierre. 
Com o fim da revolução, a praça foi rebatizada definitivamente como Praça da Concórdia.

E no lugar da guilhotina, foi colocado o Obelisco de Luxor, presente que a França ganhou do vice-rei do Egito em 1836. 
O obelisco egípcio foi dado em reconhecimento ao francês Champollion, primeiro tradutor de hieróglifos. 
Os hieróglifos que cobrem o obelisco celebram a glória do Faraó Ramsés II. A pirâmide dourada, a ponta do monumento, só foi acrescentada em 1998.

Junto ao obelisco, duas fontes celebram as águas. De inspiração romana, as fontes festejam a força naval francesa e possuem oito estátuas, sendo que, cada uma representa uma cidade do país.
A fonte norte é a "Fontaine des Fleuves", Fonte dos Rios, e celebra a navegação fluvial, com figuras que representam os rios franceses Rhin e Rhône e as colheitas da uva e do trigo. Já a navegação marítima é celebrada pela fonte sul, conhecida como "Fontaine des Mers", Fonte dos Mares, com figuras que representam o Mediterrâneo, o oceano e a pesca.


Ainda da Place de la Concorde podemos avistar a igreja Madeleine, a Champs-Élysées, o Arco do Triunfo, a Torre Eiffel, o Jardim des Tuileries e o Museu do Louvre.

Informações:

- Place de la Concorde, 75008, Paris, França

- Estação de metrô mais próxima: Concorde

Para outras informações acesse: http://www.paris.fr/


Beijim,

Kamila


Sereias na Rede: Bloglovin' - Twitter - Facebook - Instagram

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigada pela visita, fiquem a vontade para comentar e sugerir!
e-mail: sereiasafogadas@gmail.com
twitter: @kmioliveira

Beijim,

kmi