quinta-feira, 28 de março de 2013

Dia 5: SPFW - Têca e Lino Villaventura


*Imagens: FFH

E para finalizar, o último dia: 


Coleção Completa emhttp://ffw.com.br/spfw/ 

As inspirações: porcelanas antigas, azulejos portugueses e vasos chineses, as esculturas do artista chinês Li Xiaofeng, que criou roupas com cacos de porcelana. Estampas, bordados artesanais, ponto Richilieu, transparência, fluidez, peças estruturadas, rendas, cinturas destacadas, tecidos esvoaçantes, ah, e, claro, o ~espírito~ girlie. Branco, preto e azul. Sensibilidade, suavidade e delicadeza. Romance e artesanato. Apaixonante e inspirador!


Realmente, eu me apaixonei por essa coleção. Não sei dizer o que eu quero mais: o vestido esvoaçante ou o casaco. Ou as bolsas feitas com recortes de azulejo. Pode pedir um de cada? #desejando



Coleção Completa emhttp://ffw.com.br/spfw/ 

Sem tema ou fio condutor, Lino trabalhou com sua imaginação, sua história. Adornos, bordados, plissados, estampas, tecidos nobres, texturas, transparências, miçangas e canutilhos. Cores e riqueza! O desfile foi instinto puro e intuição. E com direito ao reconhecimento imediato: aplausos de pé. Drama e liberdade!


Realmente, os labirintos de canutilhos chamam muito a atenção. Sóbrios e finos. Entretanto, meu xodó desta passarela foram os vestidos fluidos... Gostei tanto! Parecem tão confortáveis e são tão chiques! Um sonho dramático com ~a cara da ryquezah~!

Beijim, 

terça-feira, 26 de março de 2013

Dia 4: SPFW - Samuel Cirnansck e Colcci

*Imagens: FFH

Ainda no Dia 4:


Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/

Inspirado nas flores da Indonésia e da Holanda, com pitadas orientais, Samuel trouxe para a passarela o dia de uma flor, do desabrochar ao momento em que se fecha. Uma produção complexa e artesanal, romântica e delicada, onde tudo tem a ver com flores, das camadas aos recortes. Muito tomara-que-caia, saias amplas, drapeados, balonê, tules, bordados. Coleção ultra-feminina e inspirada! Um verdadeiro jardim!
Curiosidade: o desfile começa com vestidos justos, representando a forma de botão. Depois, aparecem saias volumosas, a flor em todo o seu esplendor. Por fim, silhuetas enxutas em dourado velho, como se a flor estivesse secando...



Luxo! Luxo! Luxo! E muito drama! Como não amar? Como não se render a essas cores? Ainda mais com essa coisa fofa e lúdica de representar a flor/mulher? Samuel C., nos últimos SPFW, tem sido aquele que eu anseio para ver. E não tenho me decepcionado! Sonho para próxima vida: casar com Tiffany de platina pesando na mão direita e um vestido nada básico feito por Samuel. Aliás, Samuel, meu sonho fashion week é estar na platéia do seu desfile. Me chama para o próximo?



Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/

A Colcci também apresentou um jardim, um Geometric Garden. Uma mistura de estampas, listras, transparências, texturas, jeans com modelagem de alfaiataria, mangas amplas, blusas com amarração na frente e barrigas de fora. medo! Preto, branco e a brasilidade, no verde e amarelo. Elegante, leve e jovem.



Com a Colcci, voltei para as escolhas em P&B. Apenas amei esse listrado com transparência. Imagino a camisa da primeira foto com a calça... *.* E estou à caça de uma saia com o comprimento/caimento da que aparece na terceira foto. Acho que postei por isso... #obsessiva! Além do amor à primeira vista pela calça-deusa-listrada, minhas outras paixõezinhas foram as clutches estampadas! Quero uma de cada!
Calça + clutch = amor puro, amor verdadeiro! Ai, ai!

Beijim,

kmi

domingo, 24 de março de 2013

Dia 4: SPFW - Alexandre Herchcovitch e Juliana Jabour

*Imagens: FFH

Pulamos para o Dia 4:


Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/

A inspiração veio da releitura da coleção de verão 98/99 do próprio estilista. Preto e branco predominam. Na cartela de cores, pitadas de roxo e cinza também aparecem, além das estampas de risca de giz estilizada e zebrados. Listras refinadas, faixas que davam voltas ao corpo. A feminilidade através do comprimento midi, babados, rendas delicadas e cinturas marcadas. De outro lado, couro, barras irregulares, zíperes e alfaiataria estruturada. Sóbrio e feminino. Elegante e bem executado!
A curiosidade fica por conta da forma de produção das peças: metade da coleção foi construída diretamente no corpo das modelos!


Meus preferidos! Já comentei que acho risca de giz chique demais da conta? Elas dão um toque de elegância em qualquer peça. Risca de giz é amor! Esse primeiro look, eu, provavelmente, usaria separado. A calça com uma linda camisa e o mini vestido (?) com uma meia divertida! =) O vestido cinza com esse degradê de tecidos é divo demais! Apenas babei, imaginando mil ocasiões para sambar geral. E esse preto zebrado? Chorando no cantinho das consumistas!


Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/

Juliana Jabour também trouxe uma nova interpretação dos anos 90 para passarela, representando uma mulher forte, decidida e madura. Uma silhueta mais alongada e elegante, peplum, tie-dye leve e discreto, sobreposições, grafismo, mistura de estampas e texturas, bordados. Com uma proposta urbana esportiva, a coleção mostrou looks casuais, longos e soltos vestidos minimalistas, estampas, metalizados e looks bordados. Destalhes despojados e casuais. Cartela de cores com preto, branco, vermelho e azul. Feminina e descolada!


Continuando na linha P&B, meus preferidos foram os metalizados e os bordados luminosos. *.* Um macacão, para não fugir a regra, e muitos vestidos. Particularmente, o vestido metalizado (do meio!!!) virou meu sonho de consumo... ;)

Bejim,

kmi

quinta-feira, 21 de março de 2013

Dia 1 e 2: SPFW - Tufi Duek e Acquastudio

*Imagens: FFH

Mais do Dia 1!


Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/

Pablo Picasso! Precisa dizer mais? Fendas e sensualidade! Inspirada nas fases rosa e azul e, ainda, no cubismo, a coleção veio para passarela com uma estética minimalista e formas geométricas. Plissados, franjas, assimetria, sobreposições, bordados, brilho... Preto, branco, rosa e azul. Uma repaginada no clássico!


Amei o pretinho básico (me rendo!) e os paetês coloridos (claro!). Mas o que era esse vestido P&B and quadriculado and ~franjado~? Sonho muito. Imagina só? Aquela ocasião especial/compromisso importantérrimo/casamento de ex- e/ou inimiga-que-ficou-com-corpão-Bündchen, e você chegando com esse dress, girando discretamente e VRÁÁÁ! Na face da noiva galera! Porque todas amam um troco no recalque. =P


Dia 2!


Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/

Uma veterana do Fashion Rio na SPFW! E que chegou com tudo! Inspirada, em nada menos que, Jean Paul Gaultier & Coco Chanel (pérolas, muitas pérolas), a Acquastudio trouxe alta-costura criando uma releitura da sua história. Lapelas estruturadas e vestidos leves, longos, minis e midis. Elementos da alfaiataria, tecidos estruturados, formas geométricas, listras estratégicas, texturas, bordados, rendas, plissados, babados, trabalho manual, cores sóbrias (off-white e azul marinho), o universo náutico, um clima de balneário do sul europeu... É tempo de "Navy Couture"! É tempo de requinte!



Como não podia deixar de ser, adorei os acessórios: sapatos retrôs com listras nos saltos e as bolsas envelope-sonho-de-consumo! Lindas, lindas, lindas! E os vestidos? Mágicos e muito femininos... Puro romance! Quero um de cada! E haja branco para vida! Estou totalmente deslumbrada!
Ah! E dê-lhe assimetria para o verão, hein? Protejam-se! rs Preparem-se!

Beijim,

kmi

quarta-feira, 20 de março de 2013

#vaigordinha: versão manézinha!

Para fechar a tríade de #vaigordinha farofeira de férias: Florianópolis! *.* Meu sonho de consumo particular.
Passei uns dias em Canasvieiras e os planos eram bombar o Sereias de comidinhas da Ilha da Magia, mas, a virose-ladra-de-quilinhos-da-felicidade não deixou... Por insistência master, ao menos um post rolou! =)


Os adoráveis "Piratas do Caribe", btw, Jack Sparrow tem um Fiesta =P, e a turista mais gata da praia. Chora, ~Gigele~!

Estava com vontade de sashimi, mas não adiantava ir num rodízio, porque, pós zica, quatro ou cinco pedaços já me faziam ficar satisfeita. E como Marcelo não curte peixe cru, procuramos um lugar que pudesse atender aos dois. 

Fuçando na internet, nos deparamos com o "Bellas Artes Café e Sushi" e arriscamos. Apanhamos um pouquinho para achar o lugar, pois, apesar de o GPS dizer que tínhamos chegado, só enxergávamos a Videoteca. Até que uma lâmpada acendeu e vimos a entrada lateral. dã! rs

Apesar da toupeirice inicial, curti o fato do café ter uma locadora anexa. Pois, quando chegamos, o local - que é pequeno - estava lotado. Então, passamos uns 5 minutinhos entre os filmes e fiquei bem tentada a adotar uns títulos. 
Já na mesa, quase fiquei #xatiada quando fui informada que nas segundas, e era segunda, a única opção disponível da parte japonesa do cardápio era o temaki. Quase, pois, apesar de não consumir meu sonhado sashimi, era dia da promoção "Temaki em dobro". #vaigordinha faceira ativar!


Com criatividade zero, estômago mais ou menos e vontade máxima de salmão cru, pedi meus temakis de ~apenas~ salmão. Estavam bem saborosos. O primeiro foi de boa, mas, no segundo, já forçando a barra, me rendi e usei o hashi para atacar somente os cubinhos! 

Marcelo foi de "Poderoso Chefão", um sanduíche que reunia salame italiano, muçarela de búfala (sim, muçarela é com Ç. É estranho, mas, fazer o quê), salada e caponata. Ele recomenda muito! Chora no cantinho de saudades da caponata (que estava com receio de experimentar! hihi)

Para finalizar uma sobremesa ~simplinha~:


Sorvete de creme, eu te amo! Atente para a taça "pequena"! Muito amor. 

A pequena reclamação/sugestão é de que os atendentes prestem mais atenção às mesas ao invés de ficarem de papo no balcão. Fora isso, o lugar é um achado com preço justo!

Vocês curtem comida japonesa? E Floripa? Conhecem? O que acham?

Beijim, 


Local da Gordice: Bellas Artes Café e Sushi - Rua João Pio Duarte Silva, 331 - Córrego Grande - Florianópolis/SC.

terça-feira, 19 de março de 2013

Dia 1: SPFW - Animale e Cori

*Imagens: FFH

Como prometido, vamos ver o que rolou de bom!! weeee


Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/

Abrindo a temporada, uma viagem à ilha de Bali é a proposta para o verão da Animale. Peças fluidas e assimétricas. Mesmo combinando estampas, misturando texturas, recortes, zíperes e bordados, a coleção é muito feminina. Seda dupla face, linho com seda, malha de seda, couro metalizado e tricô metalizado. Fauna, flora e máscaras típicas da ilha. Oliva, turquesa, coral, roxo, rosa, preto e branco. Cor e leveza!


Fato que eu tenho uma quedinha por macacão. E, como não amar esse? Essa transparência, esses detalhes metalizados... É só jogar um saltão e correr pro abraço! Puro poder!
E o xadrez? Simplesmente amei o xadrez. A leveza, a fluidez, a feminilidade. Tenho a impressão que se esse fosse o figurino de um comercial, seria um daqueles que a moça passa faceira e todos se viram para vê-la, sabe como é?


Coleção Completa em: http://ffw.com.br/spfw/
A Cori trouxe como ponto de partida o grafismo do artista paulista Henrique Oliveira e combinou, de forma interessante, o universo da alfaiataria com o esportivo. Volumes discretos, formas limpas e retas, saias curtas levemente evasê, mistura de materiais e sobreposição de peças. Na cartela de cores, tons sóbrios e pinceladas de cores: branco, off-white, tangerina, verde-água, uva. Um elegante ar retrô, com essência clean e feminilidade. Ah, e a volta das cigarretes! Minimalista e inspirada!


Para começar, outro macacão... chiquérrimo! E os vestidos? Adorei os três! Com sapatilha, vamos trabalhar; saltão, ~baladjinha~!! Também curti muito as sandálias, porém, minha paixão verdadeira desta passerela foi a clutch! Apenas, Cori, me patrocina? *.*

Beijim,

kmi

Amor de Férias

Se tem uma coisa em que eu gosto de empregar meu rico dinheirinho é: esmalte. Esmalte são coloridos, bonitos e, ao menos a maioria, a gente pode levar uns 5 por vez para casa sem se descabelar com o valor total da compra. Se bem que, um dia, ainda me atrevo com um OPI ou Chanel... mwahahaha

Antes de ir para o Sul, escolhi um vidrinho aleatório para levar comigo, já que tinha certeza de que não precisaria usá-lo, pois, no dia anterior à viagem, fiz pés e mãos com o clássico magnânimo Luxo da Colorama. Aí aconteceu a alegria esmaltada: quando, finalmente cheguei e me despi da rasteirinha, ela trouxe meio esmalte que cobria o dedão... fuén, fuén, fuén... Ódio define. 

E lá fui eu, atrás do meu esmalte de emergência. Fui tão ~gênia~ ao fazer a escolha que, claro, não era o Luxo. =/

Mas, eis meu ~salvador~: "Ame Muito", da Coleção "Celebrate" - Impala. 


A foto não ficou uma ~brastemp~. Porém, das trocentas que tirei essa foi a menos pior. Coordenação motora: não trabalhamos. 

A coleção prismática "Celebrate" foi lançada no final de outubro passado e criada para as festas de final de ano. A descrição oficial do "Ame Muito": "Entregar-se ao amor e ao sentimento grandioso que ele emana! Amar tudo o que se faz, os amigos, a vida! " Vai, foi fofurita.
Para começar, fui descobrir o que é o tal do "efeito prismático". De acordo com o release da Impala, são "pigmentos especiais que refletem nos tons dos esmaltes as cores do arco-íris", ou seja, tem uma cor base e também micro brilhos que refletem as cores do arco-íris.  
A base do "Ame Muito" é rosa claro. Eu usei duas camadas, achei que fechou bem, curti demais o rosinha girlie e das cores do arco-íris, as que consegui achar foram o laranja e o amarelo. Com uma camada, ela fica bem pálido, mas igualmente gracioso. Da próxima vez que o usar será dessa forma. Também li, em outros blogs, que algumas meninas usaram três e até quatro camadas do esmalte. No sol, obviamente, o ~efeito prismático~ é mais visível. =P 
O esmalte secou rápido, não formou bolinhas e foi fácil de passar e limpar. E, bem, eu comprei mesmo por causa da cor e não do efeito, então para mim, ele foi satisfatório, bonito e discreto. 

Vocês já usaram alguma cor da coleção "Celebrate"? O que acharam?

Beijim, 

segunda-feira, 18 de março de 2013

Perdi meu sapatinho...

Da série ninguém perguntou, mas estou postando. 
Sabe quando você nem queria/nem tinha dinheiro para comprar nada, porém entra na loja e acaba saindo com uma ou duas sacolinha?
Foi o caso do meu oxford:


Pior ainda: comprei na empolgação consumista, montando mil looks mentalmente. Entretanto, quando cheguei em casa e fui por os looks mentais em prática... fuén, fuén, fuén. Nada ficou do jeito que eu queria/imaginava.
Durante dias, me arrumava, colocava os sapatos, olhava no espelho e lá voltavam eles para a sapateira. Até que desisti, ficou para outra hora e caiu no esquecimento.
Então, hoje quando estava me preparando para voltar ao trabalho, ~me montei~ e não sabia o que calçar. Foi quando eles brilharam do fundo da prateleira e eu fui assim:



Confesso que deixei o chapéu em casa. =P

Logo mais teremos aquela listinha marota do SPFW, mas, e vocês? Gostam de ir para o trabalho formais ou descontraídos? E chapéu, usam? 

Beijim, 


sexta-feira, 15 de março de 2013

Fashion Hello Kitty!

Eu, uma super-ultra-mega-master consumista em recuperação. Depois que mudei para Sampa, há quase três anos, com o aumento do tal "custo de vida", fui forçada a repensar minhas comprinhas de necessidade ~básica~ e não sair usando o cartão de crédito por aí como se não houvesse fatura amanhã. 

Entretanto, 6 meses depois de estar usando o mesmo case, abri o Ebay em busca de uma nova fofurinha! Aí eu descobri o ~leilão~ do site e me diverti horrores! Selecionei as capinhas novas, sem frete e com vendedores bem qualificados... Um passatempo adorável! *.* (Oi?)

Além dos requisitos acima, estabeleci como meta ~inteligente~ não ultrapassar o preço "real" do case, e, tentar economizar uns centavinhos...

Dezenove dias depois e quatro doletas mais pobre, chegou o resultado da primeira investida e eu, toda exibida, vou mostrar para vocês!


Continuo em relação harmoniosa com o Ebay, ai, ai... =)

Gostaram do meu ~hã-hã~ investimento? E o Ebay? Já tiveram problemas com algum vendedor?

Beijim,

kmi

quarta-feira, 13 de março de 2013

#vaigordinha: Edição Guarda

Mês de férias é sinônimo de várias comidinhas deliciosas!
E com tantas belezas naturais em SC, viramos nômades farofeiros:


Uh-uh-uh! Guarda do Embaú, Guarda do Embaú! *.*
A Guarda fica em Palhoça, e está distante de Floripa uns 50 km. Seja a primeira ou a enésima vez, a paisagem é encantadoramente deslumbrante. A estrutura da praia é simples e a beleza natural extraordinária. Um paraíso!
Andamos pelo centrinho procurando um lugar legal para comer que dúvida!, e, entre as opções, ficamos com a que nos pareceu mais convidativa: "Big Bamboo". 
Ambiente agradável, deck a beira do rio da Madre, com vista para o mar, decoração rústica (adorei o estilo do banheiro), artesanal. Uma delícia poder escutar as águas e sentir a maresia.
Ah, uma curiosidade: o restaurante pertence ao seu Arthur Prass, pai coruja do atual goleiro do Palmeiras Fernando Prass. Acima do caixa, estão expostas as camisas que o jogador usou nos clubes em que passou! ;)


Para começar, o gracioso cardápio, em forma de jornal, capricha nas variedades e há uma oferta considerável de bebidas (mais de 60 opções de drinques! =O). Além dos frutos do mar, o restaurante serve pratos a base de alimentos orgânicos e naturais, que priorizam os produtos da região. (Existem sim as opções orgânicas, mas, não são exclusividade.) 
O "Big Bamboo" também é conhecido por usar materiais recicláveis em sua construção. Ecologicamente correto! =)


De ~hã-hã~ entrada, pedimos uma porção de camarão à milanesa. \o/ Aí, para sermos #vaigordinhos satisfeitos, pedimos um peixinho na chapa. Atenção: Apenas meia porção! Depois do desespero de Garopaba, resolvemos usar o ~bom senso~ e pedimos menos. Gracias! Porque a metade já era uma porção ogra junior. Ufa!

A porção é bem servida, o prato estava delicioso e a salada era fresca e muito saborosa. O atendimento, apesar de um pouquinho de demora no começo, foi super simpático. E os preços estão dentro do aceitável.
Em resumo: um lugar acolhedor, eco-friendly e com refeições de primeira!

Conhecem a Guarda do Embaú? Dão preferência para comida orgânica ou "caiu na rede é peixe"? O que acham dos estabelecimentos ecologicamente corretos?

Beijim,

kmi

Local da Gordice: Restaurante Big Bamboo - Rua Cândida Maia dos Santos, 48, Guarda do Embaú -
                         Palhoça/SC - (48) 3283 2814
                         Horário de Atendimento: Alta temporada - Diariamente, das 11h a 0h
                                                           Sexta, sábado e domingo, das 11h a 0h. 

segunda-feira, 11 de março de 2013

#vaigordinha: Edição Garopaba

Nada melhor do que amanhecer com essa visão...


Isto é, se você é tão apaixonado por mar quanto eu.
Mas, se você é #vaigordinha de coração, fica mais feliz ainda comendo de frente para o mar! *.*

Lembro do Restaurante Viva Mar, literalmente, de muitos carnavais. Local tranquilo ao lado da igreja, no centro histórico de Garopaba e com vista para o mar. =) 
A comida é simples e saborosa. Porções fartas. A diferença de carnavais passados para hoje é que o ~a la carte~ engloba apenas os pratos principais. No buffet: arroz, feijão, pirão de peixe, farofa e saladas a vontade. 


A pedida foi um belíssimo camarão à parmegiana, que é acompanhado de fritas. Como somos #vaigordinhos mortos de fome, pedimos a porção para dois. Exagero! Quase morremos para honrar todos os camarões. Acredito que a porção individual daria para os dois ~zolhudinhos~ na medida. Ah, e suquinho de abacaxi com hortelã para manter a linha saudável!
Bônus: É aberto o ano todo! 

Depois de uma bela caminhada, nada melhor do que a sobremesa! E como estava quente, fomos de sorvete!


Como se não bastasse quase explodir no almoço, me joguei com fé na variedade de sabores. Marcelo foi educadinho e ficou no chocolate italiano e menta com chocolate. 
Já eu, fiquei tão alucinada com a diversidade que ignorei totalmente os sorvetes gourmet servidos por bola. Fui de: menta com chocolate (que não sei porque insisto, tem gosto de bala, é gostosinho, mas, menta ~meio-que-me-dá-falta-de-ar~. Oi?), coco (delicinha), nozes (aprovado), butiá (total decepção: aguado, daqueles que você sente o "gelo" =X) e mirtilo (nunca comi mirtilo, para mim, o sorvete tinha gosto de geléia. É isso mesmo produção?).
Veredicto: Gostoso, mas, não é uma oitava maravilha.

E vocês? Gostam de praia? Conhecem Garopaba? Curtem camarão? Frutos de mar? Qual seu(s) sabor(es) de sorvete preferido?

Beijim, 


Local da Gordice: Restaurante Viva Mar - Praça 21 de Abril - Centro - Garopaba/SC
                         Tropitália Sorvetes - Rua João Orestes de Araújo, 222 - Sala 04/05 - Centro - Garopaba/SC

domingo, 10 de março de 2013

Sereia Exibida do Dia!

Fato é que, depois que o título "Sereias Afogadas" entrou na minha vida, tenho reparado obcecada bem mais em representações desta figura. Seja em filmes, TV, tatoos, desenhos, grafites, bonecas, cores, enfim, o que for relacionado com o tema está me parando, nem que seja para uma olhadinha! O mesmo fenômeno acontece com Brócolis também! Aliás, adoro quando me mandam fotos de sereias e/ou brócolis! (Thanks, Guiga!)

Mas, uma sereia, sereia mesmo, a mascote, eu nunca tive. Quer dizer, não tinha. Porque aproveitando a quebra de ~recordes~ do mês passado, o Anderson, que já nadou por aqui, e estava, tipo assim, sendo feliz na neve de NY, me trouxe uma!!!

Ariel nova-iorquina! Apaixonei! *.*



Não é a fofura-sereia-mais-linda-do-mundo-de-NY?

Beijim,

sexta-feira, 8 de março de 2013

That’s such a pretty name... *

*Imagens: Reprodução

Parabéns a nós, Sereias! 
Para o dia de hoje, resolvi falar de uma personalidade que, ultimamente, tem participado muito dos meus dias. (Ainda mais quando esses dias incluem viagens intermináveis =P)


De forma inusitada surgiu Norah Jones, cantando docemente sentada ao piano. A americana é uma das artistas que mais se destacaram na música nesta década. Pianista talentosa, vocalista estimável e compositora promissora, Norah traz como proposta o jazz fundido com o pop tradicional, folk, blues... um ~jazz-pop~. 
Geetali Norah Jones Shankar, filha do falecido músico indiano Ravi Shankar, nasceu em 30 de março de 1979, Brooklyn, Nova Iorque.
E foi criada no subúrbio de Dallas, Texas, junto à mãe, Sue Jones, dona de uma invejável coleção de vinis de Billie Holiday. Sua interesse por música despertou logo cedo. Embora também tenha muita influência paterna, ela cresceu longe do pai.
Aos 5 anos de idade já soltava a voz em corais de igreja e, com 7, começou a ter aulas de piano. Aos 16, fez seu primeiro show, em um pequeno café, interpretando "I'll Be Seeing You" de Billie Holiday. 
Na University of North Texas, ela se graduou em jazz piano. Em 1999, ela deixou o Texas e retornou a Nova Iorque em busca de oportunidades. Começou a compor suas canções e, ao longo de um ano, se apresentou com a banda "Wax Poetic". 
Logo resolveu montar seu próprio grupo com Jesse Harris, Lee Alexander e Dan Rieser.
Seu trabalho de estréia, "Come Away With Me"(2002), impulsionou sua carreira. O álbum, que mistura jazz, soul, country e folk-pop, lhe rendeu 8 prêmios Grammy, entre eles o de "Melhor Álbum" e o de "Melhor Artista Revelação". 
Em seu segundo trabalho, "Feels Like Home" (2004), ela optou por uma tendência country. No ano seguinte, Norah angariou três estatuetas no Grammy, duas por sua participação, ao lado de Ray Charles, no single "Here We Go Again".
Se o terceiro álbum, "Not Too Late" (2007), não trouxe muitas surpresas, Norah inovou estreando como protagonista em "Um Beijo Roubado" (My Blueberry Nights). Filme de Wong Kar-wai que abriu o festival de Cannes. 
Em 2009, temos "The Fall", uma fusão de rock com soul music, produto de uma alma inquieta. 
A coletânea "...Featuring" foi lançada em 2010, mostrando que Norah Jones possui uma voz versátil e trazendo parcerias e colaborações com artistas diversos, incluindo Ray Charles, Willie Nelson, Outkast, Belle And Sebastian e Foo Fighters. 
Finalmente, chegamos a 2012 e a "Little Broken Hearts", minha paixãozinha. Novo e impressionante estilo musical, consistente e intrigante, com canções originais. Algo triste e contemplativo, um clima noir, que expõe a fascinante evolução artística de Norah.

Projetos Paralelos (haja fôlego!):

*The Little Willies:

Devota declarada de Willie Nelson, em 2003, Norah montou uma banda para tocar clássicos country, "The Little Willies". O grupo apresenta versões próprias de músicas de Willie Nelson e outros ícones da música country. 

*El Madmo:

Banda de rock alternativo, com influências que vão do jazz ao indie rock. 

*O título vem de um verso da música "Miriam", que eu amo (!), mesmo com a letra vingativa e malvada! *.*


Vocês curtem Norah? Qual sua canção preferida?

Beijim,

kmi

quinta-feira, 7 de março de 2013

Oscar 2013 - #9


*Imagens: reprodução

Chegamos ao último: =)

Stacy Keibler: Divina! Está aí uma pessoa que sabe pesar o valor do Red Carpet e se veste para ahazar! Ultimamente, Stacy tem sido muito bem sucedida. O vestido, de modelagem simples, se destaca pelas aplicações milimétricas e interessantes. Batida ou não, a faixa na cintura arrematou perfeitamente o look. Amei também que ela investiu num penteado que fugiu dos ~clássicos~ desta temporada. Elegantérrima! Magnífica!


Jennifer Aniston: Déjà vu!?! Jennifer não surpreendeu: cabelo de sempre, que ela mesma disse que não deu tempo de arrumar. Oh, Jen! É o Oscar, neam? Purfa! O modelo do vestido era novidade? Não. Mas ela estava linda? Sim ou com certeza? O vestido era de tirar o fôlego e ela não quis arriscar! Prática e discreta! Só uma coisa: Jen, você é linda, loira, alta, magra, bem humorada, gatona, plisssssssss, supera esse cara! Puramor! Samba geral, fia! Faça isso por nós, meras mortais!


Queen Latifah: Poder! Posso dizer? Não conheço a Queen Latifah cantora, mas adooooro ela como atriz! *.* #prontofalei. Amei que ela ~desfilou~ de branco e calou quem vive dizendo que cor x não pode ser usada por pessoa y. Apenas amei! Decote V e alças que alongaram a silhueta! Chique é pouco, acertou demaxxx!


Nicole Kidman: Cauda de Sereia! Nicole foi com um vestido coberto de paetês e que muito me lembraram escamas. Curti esse contraste do preto com dourado, mas, acho que você pode bem mais, Nick!


Naomi Watts: Fabulosa e assimétrica! Surpreendendo positivamente, Naomi usou um vestido poderoso, cheio de mini paetês, com corte inusitado e diferente do habitual que lhe favoreceu a silhueta. Adoro que Naomi ousa e arrasa com vestidos incomuns. Poderosa! Diva!


Acabou o que era doce! O que vocês acharam dos modelitos em geral?

Beijim, 

Oscar 2013 - #8


*Imagens: reprodução

Já faz mais de uma semana, mas, depois de pequenos imprevistos, continuamos a saga do Oscar:

Sandra Bullock: Como não amar? Carisma, estilo e porte! ~Tarra~ linda num vestido perfeito, rendado/bordado, aplicações em pedrarias, transparência suave, cauda discreta e brilho. Muito brilho. Caimento perfeito. Um dos vestidos mais lindos da temporada! E que realizou seu propósito: fazer quem o usa ficar deusa! Divou muito!


Halle Barry: Vrááááá! Revanche! Halle adora se vestir de forma temática: Depois da ~Helena~ no GG, a bond girl resolveu prestar a sua homenagem a James apenas sambando! ~Shorey lytrus~ com as comparações: do Morri de Sunga com o Efeito Doppler de Sheldon (TBBT) e, também, com o ~código de barras~, mas, brincadeiras à parte, esse foi um dos melhores vestidos da noite. Perfeito em cada centímetro: grafismo em listras pretas, prateadas e translúcidas, mangas longas, lindo decote, ombreiras... Vestido, cabelo, maquiagem deslumbrantes. Impactante! Ousou e acertou! Arrasou, gatã!


Kristen Stewart: ~Battery low~! Desculpem-me os que a adoram, mas, é essa a impressão que eu tenho cada vez que a vejo... Na vida "real" ou *bocejo* ~atuando~. Achei o vestido interessante, com tules e bordados, mas, faltou tempero! Talvez aqui fosse o lugar para o cintinho de Alicia Vikander? Hum... não sei. Porém, faltou. Para começar o vestido não parecia estar ajustado para ela. O cabelo e a make também não foram felizes. Às vezes é melhor ficar em casa e deixar a Rainha Má fazer as honras!


Jennifer Garner: Apaixonei pela cor! Já aquele babado gigante... vou deixar passar porque era Oscar! E, se Björk usou um vestido de cisne num Red Carpet, tudo bem JenG fazer cosplay de espanador/dragão, neam?!?



E vocês? Também amaram Sandrinha e Halle? Curtem Kristen? E Jennifer?

Beijim,

kmi