domingo, 22 de julho de 2012

#vaigordinha Edição Alemã!

Não, gente! Oktober só em outubro, neam! dããã rs
Esse é mais um post de comilança, no maior estilo #vaigordinha carnívora. Verdade que também já fui em alguns restaurantes vegetarianos e ~taquei o terror~! Mas, esse é um daqueles posts que vegetariano chora no cantinho! (Se bem que, vegetariano tá nem aí para carne, so...)

Anyway, (foco!) resolvemos fazer a fanfarrice gastronômica da semana em um restaurante alemão. 
Fomos ao Windhuk!!
A casa é no estilo alpino (saudade da vila germânica!) e o ambiente aconchegante. 
Os aperitivos são servidos em pão integral (provavelmente a única coisa ~light~ do restaurante) com diversos patês combinados com picles, carpaccio, copa, tomate... Todos são deliciosos, porém, recomendo correr para o pãozinho que tiver creme de alho e cebola.
Só para mostrar o copo mágico!
De entrada, rolou um mix de salsichas (na dúvida, fritas E cozidas). Gostosim. Na minha opinião, até dispensável. Entretanto, geral cai de amores!
Nada a reclamar do atendimento, muito pelo contrário. Chope perfeito e copos mágicos! *.* (Copo mágico: você está todo feliz conversando e nem nota que seu chope está acabando, porém, quando percebe... voilà! Nem dá tempo para ficar triste! Uma tulipa já está a sua espera, bem ao seu ladinho! O que significa que: caso você queira, realmente, parar de beber, entregue sua bolacha ao garçom! mwahahahaha)

E, finalmente, o motivo da nossa ida ao restaurante chega:
"Joelho, I love you!" Strabelli, Lígia
Eisbein!!! (Joelho de porco FRITOOOOOO - Porque gordice pouca é bobagem - há a opção cozido também, mas, neam?)
Eisbein + Batatas + Chucrute! Nham nham! A gordinha aqui admite que sente vontade só de lembrar... Ô, tristeza!
E a pergunta que demonstra minha total ignorância em relação a anatomia suína: Como pode o joelho ter tanta carne?
Valores? Olha, se for não for com uma turma de ogrinhos que já arranca com uns trinta chopes é tranquilo. Em média 50 a 70 dinheiros por pessoa. Agora, se for com aquela turma de ogrinhos (assim como em qualquer lugar), rolam lágrimas de dilmas quando chega a conta. hehehe



E, vocês? São vegetarianos ou curtem uma carninha? E culinária alemã? Um joelhinho no capricho rola?


Beijim, 




Local da gordice: Windhuk - Cozinha Alemã (Alameda Arapanés, 1400 - Moema - São Paulo/SP)

2 comentários :

  1. Fui ano passado na Festa das Etinias e almocei na alemã. Achei um pouco exagerado a comilança, e não sei se era o modo de preparo deles la mas achei não muito boa. A tua parece estar muito mais apetitosa.
    Resultado: paguei caro e comi o que não queria.

    Esse ano vou em outra etnia pra experimentar. hahahaha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O restaurante que eu fui é tradicional, aqui em Sampa, na culinária alemã! Estava tudo muito gostoso mesmo! Tenho saudades e remorso do pedacinho de joelho que deixei no prato! =~

      Eu adoro a Festa das Etnias, mas, não sei como funciona o processo da escolha dos restaurantes e tal (preparo, alimentos, pessoal, essas coisas). Mas, já tive muitas surpresas agradáveis, assim como decepções hehehe do tipo: um restaurante que amei no ano anterior, não estar tão bom no seguinte...

      Mas, super queria ir este ano... Já tem data? Quem sabe rola um #vaigordinha no capricho hehehe

      Excluir

Obrigada pela visita, fiquem a vontade para comentar e sugerir!
e-mail: sereiasafogadas@gmail.com
twitter: @kmioliveira

Beijim,

kmi