segunda-feira, 11 de junho de 2012

Update: Quando o barato sai caro

Quero me ~retratar~, publicamente. 
Assim como reclamei, publicamente.
Ia dizer que errei, mas depois de pensar um pouco, percebi que não.
No meu post anterior, (aqui) reclamei da falta de segurança em se fazer uma compra pela internet e não receber, só porque você não quis/pode pagar pelo frete mais caro.
Eu disse: 

"Porque, na minha humilde opinião, poderia haver diferença no valor do frete para maior rapidez na entrega e não para uma loteria da entrega, onde você paga e talvez receba sua compra. Praticamente uma doação à pobre empresa. "

Ainda continuo concordando com o que escrevi antes. Mas, conforme o prometido:

Hoje, quando voltei do trabalho e entrava no prédio, eis que o porteiro me estendeu um envelope.
Fofo (plástico bolha para proteger o produto), sujo, amarrotado, enfim, nojinho define. 
Quando eu vi o remetente, fiquei com cara de panaca. Só panaquice mesmo pode definir minha cara. Uma, porque, "wow, chegou, finalmente!", outra porque "Chegou, realmente, chegou!" e terceira "a retratação!".

Então, pípol, a encomenda chegou 1 mês e 6 dias após o prazo máximo (de até três meses), mas, chegou.
Mesmo depois da responsável pelo site sugerir que os Correios tinham extraviado.

Entretanto, após o tempo de espera, o descaso da loja e todo o blablabla que eu já disse antes, continuo preferindo comprar minhas makes do jeito tradicional... em lojas ou sites que garantem a entrega, independente da taxa de frete. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigada pela visita, fiquem a vontade para comentar e sugerir!
e-mail: sereiasafogadas@gmail.com
twitter: @kmioliveira

Beijim,

kmi