sexta-feira, 6 de abril de 2012

A Paz Mundial & O Pequeno Príncipe...


Apresentador - Qual o seu maior sonho?
Candidata - A paz mundial.
Apresentador - Qual seu livro de cabeceira?
Candidata - O Pequeno Príncipe.

Reconhecem essas respostas? Clássicas de muitas misses, até que... viraram chacota mundial. 
Bem, sonhar com a paz mundial era sinal de doação, desprendimento, bondade, blablabla...

Mas, e O Pequeno Príncipe? Por que ele foi o eleito?

"O Pequeno Príncipe" - Antoine de Saint-Exupéry

Romance de maior sucesso de Saint-Exupéry. O terceiro livro mais vendido no mundo. Traduzido para mais de 220 línguas e dialetos.
Um livro infantil? Aparentemente.
Eu li quando criança, adolescente e a última vez, há alguns dias. Tem algo de poético e filosófico que resgata aquele mistério da infância. 
Um livro que pode ser entendido por crianças e adultos. Achei muito interesse perceber como as figuras que aparecem no livro mudam de significado, dependendo da idade/maturidade de quem lê. 







" Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas."

Personagens carregados de simbolismos. E cada um, que o príncipe encontra em seu caminho, mostra  quanto é possível nos preocuparmos com coisas inúteis e deixarmos de lado aquilo que realmente tem valor. Esse é o convite do Pequeno Príncipe: olhar com atenção tudo o que nos rodeia, que, aparentes ou escondidos são presentes. E todos esses presentes nos revelam segredos.

Saint-Exupéry percebia os adultos como pessoas incapazes de entender o sentido da vida, pois, haviam deixado de ser a criança que um dia foram. Entendia que é difícil para os adultos, esses seres estranhos,  compreender toda a sabedoria de uma criança.

" Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível para os olhos."

É uma obra que traz valores, sentimentos e relacionamentos universais: amizade e amor. Que ensina como, por vezes, julgamos errado quem ou o que está ao nosso redor e como essas avaliações podem nos levar à solidão. 
O livro mostra como nos tornamos adultos, acomodados, e, que, muitas vezes, nossas preocupações diárias e banais fazem com que esqueçamos a criança que fomos, com sonhos e questionamentos. 
O Pequeno Príncipe empolga a todos com seus ensinamentos inesquecíveis. (Vide cartões comemorativos e livros de auto-ajuda!). A sua história marca pela forma simples de suas mensagens otimistas, simples e de amor.

" Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós."

Não é um livro extenso. É sim, um bom livro de cabeceira. Daqueles que lemos e relemos várias vezes. Aquele em que Antoine de Saint-Exupéry tenta resgatar a criança que existe em cada um de nós, com encanto e beleza. O nosso reencontro adulto-criança.

"Foi o tempo que dedicaste à tua rosa que fez tua rosa tão importante."


Beijim, 



*Imagem: Reprodução

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigada pela visita, fiquem a vontade para comentar e sugerir!
e-mail: sereiasafogadas@gmail.com
twitter: @kmioliveira

Beijim,

kmi